24.1.08

.dispenso a previsão/aceito a condição.

preenchi alguns vazios com doses de antigos vícios. pedaços de saudades colei com esparadrapo e em cada esparadrapo todas as frases que me lembram sorrisos...
faltam algumas cores, mas as poucas e fiéis que ainda fazem parte dos dias (que se arrastam no calendário empoeirado), me acompanham como se isso amenizasse o que acontece aqui dentro. inusitadamente algumas músicas tocam ao fundo mexendo com todos os sentidos que ainda me restam, quando nem o barulho das ondas nas pedras consegue mais roubar a minha atenção.

dias de sol e noites de insônia.
às vezes não quero ir embora.
parece que aqui deste lado é mais fácil e menos doloroso pra mim.

mais uma onda vem.
mais um dia que termina.
mais um pouco de saudade aqui dentro.

quando cicatrizar, o sorriso vai falar por mim.

(ele não falha... se engana, talvez.)

2 comentários:

seu amor disse...

o que se passa dentro desse coração que eu custo a intender?
me explicaaa?


te amo forever =*

vitor moraes disse...

espero que esteja tudo bem
beijos.